Online: 254
 
 
Estudo 13 - O Fruto do Espírito
( 12851 visitas )

Publicado em: 20/2/2006
Por: Sidnei
IPB - Volta Redonda, RJ
sidnei@csn.com.br
 


Texto básico:

(Gálatas 5:22-23) - ”Mas o fruto do Espírito é: amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade, mansidão, domínio próprio. Contra estas cousas não há lei.”

Ler também João 15: 2 a 8 e verso 16.

INTRODUÇÃO
    
    No estudo anterior “Como Resistir e Vencer a Tentação”, nós estudamos sobre as “obras da carne”, as quais devemos resistir e evitar em nosso viver diário, para não cairmos em tentação.

    Hoje vamos examinar melhor o que é o “Fruto” do Espírito, e como é que este “fruto” há de se manifestar em nossas vidas, agora que nascemos de novo e estamos vivendo uma nova vida em Cristo.

I) O SIGNIFICADO DE “FRUTO DO ESPÍRITO”

Conquanto se refira a nove qualidades, a palavra “fruto” aparece no singular, significando uma unidade de virtudes. Ao contrário das obras da carne, cada graça ou virtude do “fruto” do Espírito é parte de um todo, de modo que nenhum cristão é completo se não tem as nove porções. É um todo indivisível!

1) Leia novamente Gálatas 5:22 e 23 e enumere abaixo as 09 virtudes do “Fruto do Espírito”:
1) ______            2) _________    3) _______
4) ________________5) _______________________        
6) _____________     7) _______________
8) _______________    9) _______________________

Exercício de Memorização: Repetir, em voz alta, na sequência, as nove virtudes do Fruto do Espírito acima.


II) CONDIÇÕES PRECEDENTES PARA PRODUÇÃO DO FRUTO DO ESPÍRITO:

a) VITALIDADE - Jesus é a Videira, e nós os ramos. Temos então que estar ligados a Cristo.
Leia I João 5:12 e complete a resposta:- Quem é que tem a vida?

R = “Aquele que tem o ________ tem a vida; aquele que não tem o ________________não tem a vida.”

b) CONTINUIDADE - Nós somos ramos ligados à Videira que é Jesus. Leia João 15:5 e responda:- O que é necessário, então, para que produzamos muito fruto?

R = ________________________________________

c) MUDANÇA DE ATITUDE ( Ler todos juntos o Salmo “1” )

a) O QUE DEVEMOS EVITAR - Complete a resposta:- De acordo com o Salmo 1:1, o que devemos evitar, para sermos como árvore que no devido tempo dá o seu fruto?

1) não _________ no ____________ dos ___________;

2) não se __________ no ____________ dos ________________;

3) não se ___________ na ________ dos ___________________.

b) O QUE DEVEMOS BUSCAR -
Complete ( Salmo 1:2 )

“Antes o seu _________ está na _______ do Senhor, e na sua ________ medita de dia e de noite.”

Nota: 1) “Lei do Senhor” = ensinamentos, princípios, da Palavra de Deus ( Bíblia Sagrada );
    2) “de dia e de noite” = todo dia, todo tempo, constantemente.



III) COMPREENDENDO AS 09 VIRTUDES DO FRUTO DO ESPÍRITO

1) AMOR - A presença do Espírito Santo em nós inunda os nossos corações de um profundo amor, que se irradia para três direções:- a) para com Deus - passamos a amar a Deus, verdadeiramente, acima de todas as demais cousas; b) para com nós mesmos - o nosso nível de amor próprio, de auto-estima, se eleva, conduzindo-nos a um alto grau de felicidade; c) para com o próximo - passamos a amar de uma maneira extraordinária e especial também as pessoas ao redor, melhorando assim o nosso relacionamento social.

2) ALEGRIA - Qualidade de vida que é graciosa e bondosa, caracterizada pela boa vontade para com os outros, resultante de um senso de bem-estar, sobretudo de bem-estar espiritual, em razão de uma correta relação com Deus. É o gozo, o regozijo no Espírito Santo. É a exultação do amor. A alegria induz ao louvor e à adoração.


3) PAZ - É a tranquilidade perfeita, independente das circunstâncias. É uma situação de calma interior que resulta da justificação em Cristo. É a evidência da perfeita comunhão com Deus. É fruto da vitória do espírito sobre a carne. É uma qualidade espiritual de vida, que só os que estão verdadeiramente em Cristo podem experimentar.
4) LONGANIMIDADE - É a capacidade de amar. É o amor esperando... Significa literalmente “longo ânimo”. A tolerância é, essencialmente, um dos atributos de Deus, o qual, pela graça de Deus é derramado em os nossos corações. Longanimidade é a tolerância por amor. É não explodir em ira e furor, mas compreender e amar em todas as circunstâncias. É colocar o amor acima! Da mesma forma que Deus tem sido longânimo para conosco, devemos também o ser para com as pessoas ao redor, suportando as fragilidades e provocações alheias. “A longanimidade é a paciência que nos permite subjugar a ira e o senso de contenda, tolerando as injúrias” - Matthew Henry

5) BENIGNIDADE - Tem a ver com o caráter, com a natureza da pessoa. Significa: gentileza, bondade; excelência de caráter; honestidade. Deus é a fonte originária e Cristo foi quem melhor exemplificou essa qualidade, passando a ser o nosso modelo. O crente quando possui essa qualidade é “gracioso”, “gentil” para com os seus semelhantes, não se mostrando inflexível, radical e exigente. É ser dócil de temperamento, sobretudo para com as pessoas mais humildes, predispondo-se a uma atitude afável e cortês.

6) BONDADE - Tem a ver com ação, atitudes, em relação aos outros. Retidão, prosperidade, gentileza. É a qualidade de generosidade e de ação gentil para com as outras pessoas; é ter um caráter infinitamente bondoso. É estar sempre inclinado para o bem; desejar sempre o bem alheio. É a firme disposição de ajudar pessoas ao redor que estejam em dificuldade.

7) FIDELIDADE - Confiança, fé. O justo vive pela fé; e de fé em fé. Indica a confiança em Jesus Cristo, na fé evangélica. É a fidelidade do cristão para com Deus, e para com os princípios orientadores da Palavra de Deus. Esta fidelidade é livre e espontânea como o amor.

8) MANSIDÃO - Placidez, modéstia, gentileza, cortesia. Esta virtude é destacada na terceira bem-aventurança; é uma qualidade de caráter daqueles que irão possuir a terra. Jesus é manso e humilde de coração. Consiste em um espírito de mansidão e gentileza no trato com o próximo. Trata-se de uma genuína falta de maldade e aspereza, de mistura com as qualidades da paciência e da gentileza. Trata-se de uma submissão do espírito humano para com Deus, e, em seguida, para com o homem. A mandisão é resultado da verdadeira humildade, por causa do reconhecimento do valor alheio, com a recusa de nos considerarmos superiores. Deus é a fonte dessa graça, e Cristo o seu exemplo supremo.

9) DOMÍNIO PRÓPRIO - Autocontrole. Toda a forma de autocontrole, de autodisciplina. É o mesmo autocontrole que um atleta necessita para ser bem-sucedido. É o autodomínio dos impulsos, das emoções. Esta virtude é fundamental na hora em que vem a tentação... É preciso muito autocontrole para não ceder às seduções da carne, do pecado, do mundo, e do vil tentador! O verdadeiro autocontrole só pode ocorrer mesmo com a ajuda do Espírito Santo. Se nos esforçamos, o Espírito Santo vem e nos socorre, mas nós temos que dar o primeiro passo, fazer a nossa parte.


CONCLUSÃO
Amado irmão (ã). Permanece firme em Cristo; permita que a Sua Palavra permaneça em você, e, com certeza, o “Fruto do Espírito” se evidenciará na sua vida!
Procure diariamente ler a Palavra de Deus (a Bíblia Sagrada), e para falar com o Pai Celestial através da oração.

Você se sentiu tocado ao ler esta mensagem ?
Então CLIQUE AQUI !

 

Comente aqui e ajude a divulgar esta mensagem para seus amigos no facebook ...

   

 

 

 

  .::: Sinais dos Tempos :::.
  .:: Boletins ::.
Receba boletins atualizados
do Portal Webservos:


  .:: Enquete ::.

 

•    Quem Somos    •     Fale conosco!     •

Página aberta em: 0,000 segundos

Usuários de Hoje: 9236



Melhor visualisado no Internet Explorer com resolução de 800x600

:: WebServo :: Portal Gospel de Evangelismo Virtual
Desenvolvimento e Coordenação de:
Enéas T. de Oliveira
--=(-wëbsèrvö-)=--