Online: 265
 
 
Redenção: seus vários aspectos
( 13647 visitas )

Publicado em: 23/7/2004
Por: Pr. Cleverson de Abreu Faria
Igreja Batista Salém - Pinhais - Curitiba - PR
cabfaria@yahoo.com.br
 

A palavra redenção vem de: Lutron (grego), preço de soltura, resgate, preço de resgate, 3 vezes. Lutroo (grego), resgatar, redimir, libertar pelo pagamento de um preço, 3 vezes. Lurosis (grego), Apolutrosis (grego), redenção, soltura, libertação. Palavras hebraicas: padâh, resgatar, redimir; gaal, redimir, agir como parente; goel, redentor.


O significado de redenção é libertar pagando um preço.


Libertar da escravidão ou de algum domínio sobre outrem.


Para os judeus a figura da redenção é tida na libertação divina da escravidão no Egito como evento mais notável do Velho Testamento. Essa redenção fora feita de duas maneiras: 1) por meio do sangue do cordeiro (Ex 12.1-13); e 2) a libertação do poder do inimigo (Ex 12.26,27; 13.13,14).


Para os gentios, o sentido é o de libertar um escravo, cuja liberdade era paga (1Pe 1.18).


A redenção trata da morte de Cristo e o preço do resgate que Ele pagou para providenciar a salvação.


A palavra Agoradzo (grego) significa que redenção é um ato de comprar, entrar no mercado e comprar. Isto é verificado pelo fato de Cristo ter entrado no mercado do pecado e então comprou, pagando com o Seu próprio sangue (1Co 6.20; 7.23; 2Pe 2.1; Ap 5.9; 14.3,4).


No Velho Testamento verifica-se que a redenção é obra do poder de Iahweh (Dt 15.15) ou de Seu amor (Sl 44.27).


De acordo com o costume israelita, era possível para alguém ser redentor em causa própria (Lv 25.49).


O livro de Rute nos apresenta a figura do Goel, um parente chegado que tinha o direito de redimir.


É mencionada a redenção nacional do povo de Israel (Ex 6.6; 15.13; Sl 78.35; Jr 31.11; 50.33,34); bem como a redenção individual (Ex 13.13-15; Nm 3.41; Jó 19.25); também é mencionada a redenção de propriedade, nome e vida (Lv 25.25-34; Rt 4.4-6; 3.4; Mt 22.23-33; Nm 35.12-34; Js 20.1-6).


O apóstolo Paulo nos ensina que Cristo se tornou a nossa redenção (1Co 1.30). Diz que redenção mediante o sangue de Cristo é a remissão dos pecados (Ef 1.7; Cl 1.14).


De acordo com os próprios ensinos do apóstolo Paulo, Cristo é o agente da redenção (Rm 3.24), realizado por meio da encarnação (Jo 1.12-14).


No passado:
A redenção é apresentado no aspecto passado, pois o resgate já foi pago na Cruz por Cristo. A compra já fora feita pelo sangue.


Paulo nos ensina que aquele que confia no sangue de Cristo é redimido (Rm 3.24,25), com isso é libertado da condenação, bem como da pena do pecado (Rm 8.1).


No presente:
Há também o aspecto presente, no qual o crente é libertado do poder do pecado (Rm 6.14), outro lugar no qual o apóstolo Paulo nos ensina que recebemos a redenção da vida, ou libertação do poder do pecado está em Tito 2.14.


No futuro:
Por último, a redenção no futuro, onde o corpo do crente é redimido, completando assim o redenção (Rm 8.23), isso acontecerá na segunda vinda de Cristo (1Co 15.52; Fp 3.21).

Você se sentiu tocado ao ler esta mensagem ?
Então CLIQUE AQUI !

 

Comente aqui e ajude a divulgar esta mensagem para seus amigos no facebook ...

   

 

 

 

  .:: Boletins ::.
Receba boletins atualizados
do Portal Webservos:


  .:: Enquete ::.

 

•    Quem Somos    •     Fale conosco!     •

Página aberta em: 0,000 segundos

Usuários de Hoje: 16865



Melhor visualisado no Internet Explorer com resolução de 800x600

:: WebServo :: Portal Gospel de Evangelismo Virtual
Desenvolvimento e Coordenação de:
Enéas T. de Oliveira
--=(-wëbsèrvö-)=--